Alcance sua independência financeira!

Assine Nosso Feed!

  • Receba artigos e informações valiosas para se destacar no mercado financeiro e ganhar dinheiro.
  • Fique tranquilo(a), sua privacidade será respeitada.


  • segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

    Análise: BANCO DO BRASIL (BBAS3)


    Após a primeira análise fundamentalista do blog (Análise: ELETROPAULO) volto hoje a escrever um pouco sobre uma empresa em particular e o foco desta matéria será o Banco do Brasil.

    • História
    O Banco do Brasil é uma das mais antigas instituições do Brasil. Foi criado em 1808 através de um alvará  do príncipe regente D.João. Segundo o seu site de Relações com Investidores: "Com lucro líquido de 11,7 bilhões e ativos totais de 811,2 bilhões, o BB encerrou 2010 como líder no Sistema Financeiro Nacional, destacando sua atuação no crédito com 19,8% de participação de mercado. Essa liderança foi alcançada devido à ênfase no financiamento a pessoas físicas, especificamente crédito consignado, financiamento a veículos e financiamento imobiliário. Além de manter-se como líder de mercado, o foco em pessoas físicas contribui para o crescimento da margem financeira do Banco, com melhoria na qualidade de sua carteira." 



    • Fundamentos (em 10/02/2012)

    -P/L: 5,68
    -DY: 7,2
    -LUCRO POR AÇÃO: 4,59
    -LIQUIDEZ CORRENTE: 0,9
    -CRESCIMENTO NOS ÚLTIMOS 5 ANOS: 16,7%
    -VALOR ATUAL DAS AÇÕES: R$ 26,08

    -VALORIZAÇÃO DAS AÇÕES:

    2007  +36,78%
    2008   -50,74% (CRISE)
    2009  +110,87%
    2010  +12,38%
    2011  -18,89 (CRISE)
    2012  +10,04%

    O Banco do Brasil tem apresentado bons resultados nos últimos anos, a despeito das crises. Um crescimento baseado principalmente na oferta de crédito consignado e para a aquisição de imoveis, carros etc. Com um P/L baixo e DY médio o papel faz parte de muitas carteiras de investimento, tanto aquelas focadas em valorização como aquelas direcionadas para dividendos. Ao meu ver um ponto negativo do papel é sua liquidez corrente (reflete a capacidade da empresa em pagar sua dividas no curso prazo e relaciona-se com o valor disponível para tal) sendo de 0,9. O ideal na minha opinião é que esteja em aproximadamente 1,5. Ademais, a empresa é bem negociada e tem boa liquidez para venda.


    • Dividendos
    Os acionistas do Banco do Brasil receberam em 2011 R$ 1,87 em dividendos (sendo dividendos e juros sobre o capital próprio) de forma praticamente trimestral. Nada mal, perto de alguns bancos listados na Bolsa que distribuem centavos mensalmente


    • Afinal, é uma empresa para dividendos?
    Uma questão muito recorrente diz respeito à condição do Banco do Brasil como bom pagador de dividendos, visto que este papel tem aparecido em diversas carteiras de dividendos. É inegável que seu Dividend Yield está bem abaixo de outras empresas boas pagadoras de dividendos como a Coelce - por exemplo - que possui um DY de aproximadamente 12%. Porém seu DY também não é tão baixo como o de outras empresas (inclusive bancos) que distribuem dividendos em uma porcentagem de aproximadamente 3%, como o Itau (ITUB4) por exemplo. Particularmente vejo o Banco do Brasil como um apoio em uma carteira de dividendos e uma forma de obter valorização da carteira. No atual cenário da economia o papel está relativamente descontado e sua compra, além de favorecer possíveis ganhos futuros garante dividendos médios bem interessantes.


    • Situação Atual
    Como escrito acima, o papel encontra-se ao meu ver ainda descontado (já esteve bem mais descontado - sua minima em 52 meses foi R$  21,80) e pode permanecer assim por um bom período ou pelo menos enquanto a situação financeira mundial, particularmente da Europa não for controlada. Esta é uma situação inerente ao setor financeiro que nas crises sempre é descontado - mesmo apresentando lucros como é observado no Brasil e reflete o medo generalizado do mercado.


    • Potencial do Investimento
    Um índice que não deixo de observar em minhas análises é o potencial do investimento, ou seja, qual o retorno desejado e em quanto tempo posso atingi-lo. O potencial de investimento nas ações do Banco do Brasil é bastante interessante tanto no que se relaciona com o ganho em valorização como em dividendos. Sua máxima nas ultimas 52 semanas foi de R$ 29,23 e em uma possível (repito - possível!)  valorização do IBovespa podemos chegar a uma valorização de 12% considerando o valor atual da ação e sua máxima.
    Com relação aos dividendos, para se obter uma renda mensal de R$ 2.000,00 com os papéis do Banco do Brasil o investidor deveria alocar R$ 334.736,80 e obter 12.835 ações, considerando o atual preço da ação e a distribuição de dividendos do ultimo ano. É claro que estes números estão baseados em uma única compra e desconsideram o re-investimento de dividendos, formação de preço-médio, valorização etc. condições que podem abreviar o tempo para obtenção destes resultados.


    • Conclusão
    Lirio Pariosoto em uma de sua palestras no circuito ExpoMoney (que você pode assistir aqui) disse que as empresas de capital misto controladas pelo governo são muito ruins, com exceção da Cemig e do Banco do Brasil. Concordo e mantenho a empresa em minha carteira com vistas à valorização futura e dividendos praticamente trimestrais.

    Um grande abraço a todos e uma excelente semana!

    E você leitor investe no Banco do Brasil? Qual sua experiência com esta ação? Comente, todos nós aprendemos!

    Créditos da imagem: http://www.freedigitalphotos.net/


    O blog Rico por Acaso preza pela qualidade da informação apresentada ao leitor. As matérias aqui apresentadas representam a opinião pessoal de seu autor. Assim deve ficar claro que o blog não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.
    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

    22 comentários:

    1. Oi Rafael,

      gostei da sua análise, mas acredito que a liquidez corrente em bancos é sempre esta, ou menor, pois trabalham sempre alavancados, me corrija se estiver errado.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Sady! Obrigado por acompanhar o blog! Trabalhar alavancado realmente influencia, mas acredito que não justifica. Basta observar o Itau que tem Liquidez Corrente de 4,6. Um grande abraço!

        Excluir
    2. Otima analise como também foi com a Eletropaulo,

      Eu tenho ambas em carteira, o BB na minha é como falou está para dividendos mais tem grande potencial de valorização também, os resultados vieram ligeiramente acima do que estava previsto, abaixo um pouco do que em particular eu esperava, resta saber o que a Dona Dilma vai impor ao BB , com essa tal redução do Spred que ela quer, espero que o peso disso não seja como foi com a Petro, mais mesmo com essas nuvens, continuarei aumentando posições nela !!

      Abraço.

      Eduardo

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Eduardo! Obrigado por sua contribuição!

        Excluir
    3. Olá, gostaria de parabenizar o blog e em especial as duas análises, a do BB e a da Eletropaulo.

      Gostaria de tirar algumas dúvidas:
      1- Como calcular um potencial de crescimento para o papel, estimando um prazo de retorno?
      2 - Como estimar um preço-alvo tanto para compra quanto para venda? Isso não é específico para este post, mas uma dúvida geral. Em algumas análises vejo serem citados preço-alvo e não consigo entender como seria possível calculá-lo.

      Obrigado!

      ----
      Diogo.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Diogo! O preço alvo de um ativo bem como o potencial de crescimento geralmente são obtidos através da analise técnica observando-se em gráficos as tendências de rompimento de resistências, ou seja, se observa o comportamento do mercado para *sugerir* que o rompimento de certo valor pode fazer com que o ativo chegue até tal preço alvo, preço que pode acontecer ou não. Obrigado pela participação no blog!

        Excluir
    4. Ricardo, se vc tivesse 3 milhões de reais para investir para não trabalhar mais e so viver de renda sendo que seu gasto mensal e de 5 mil reais!!! como vc aplicaria todo este valor de dinheiro!!! Ações, fundo DI, etc e qual o valor que vc deixaria em cada aplicação sendo que vc gosta de investir na bolsa de valores e conhece o mercado.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Anonimo, acredito que este investimento inicialmente vai depender de sua idade, sua aversão ao risco, modo de receber os proventos etc. Se você é jovem e não é avesso ao risco, pode investir em ações de empresas boas pagadoras de dividendos, que muitas vezes pagam os dividendos de modo trimestral. Se sua aversão ao risco é média, você pode dividir este dinheiro entre ações e títulos públicos. Agora se você não quer risco pode investir em títulos públicos, que são seguros, tem liquidez e alguns pagam cupons semestrais. Lembrando que na poupança (que praticamente nem empata com a inflação) você teria uma renda de aproximadamente R$ 3.500,00. Sugiro que procure um profissional de investimentos pois este assunto é complexo, visto as opções presentes e a grande soma empregada. Um grande abraço!

        Excluir
    5. Eu particulamente investiria um pouco em imóveis, hoje consegue imóveis no valor entre 150 mil a 200 mil, com aluguel entre 500 a 800 reais, compraria uns 3 com 500 mil reais, 500 mil investiria no CDB
      1 milhão na bolsa, compraria uma chácara, alugaria para eventos num gasto de 300 mil, aluguel de 500 reais por evento, e um pouco fundos imobilarios

      ResponderExcluir
    6. Prefiro colocar R$300mil na EletroPaulo e ter uma renda de R$6barao ppr mes hehehehehe

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Leonardo! Como eu escrevi, o BB não é somente para dividendos e sim para contrabalancear uma carteira com crescimento. Um grande abraço e obrigado pela contribuição!

        Excluir
    7. De acordo com as minhas contas, a revisão tarifária cortará o lucro líquido da companhia em 65% aproximadamente. O PL passaria de 4 a 12 (não estou considerando aumento de consumo). Automaticamente o ROE desceria na mesma proporção.

      Com esses números, tem papel melhor no mercado.

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá amigo Igor! Você está comentando da Eletropaulo? Um abraço!

        Excluir
      2. Olá! Sim, era sobre a Eletropaulo.

        Excluir
    8. Fala ai Rafael! o que está achando dessa queda no BB? como sao suas perspectivas para o papel com toda essa intervençao do governo? abç

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Beto! Eu comprei um pouco no inicio do mês à aproximadamente R$ 26,00. Se tivesse mais dinheiro disponível hoje eu compraria mais. Infelizmente essa intervenção do governo para implementar suas metas econômicas vai bagunçar um pouco o papel e talvez interferir nos resultados vindouros. Sinceramente não sei para onde o papel vai, se vai se transformar em uma Petrobras. Por enquanto, continuo confiante no papel e vou manter, visto ser uma empresa com bons fundamentos, mas o futuro ninguém sabe. Um grande abraço!

        Excluir
    9. Oi Rafael, tudo bem?

      Sou leitora assídua do seu blog. Depois da sua excelente aula sobre sites que informam proventos (aliás, parabéns pela excelente iniciativa!), verifiquei no site da Infomoney que o BB pagou dividendos/JCP 8 vezes em 2011. Confesso que fiquei impressionada! É sempre assim? Já está previsto o próximo pagamento de 2012? Estou pensando em comprar mais um pouco agora no ínicio de junho para aproveitar essa cotação de 19 e poucos. O que vc acha? Estou mirando o médio e longo prazos e, principalmente, os dividendos (para reinvestir, é claro... rs). Também estou pensando em aumentar minhas posições em CMIG4, o que vc acha do momento do ativo?

      Obrigada antecipadamente

      Abraços e um ótimo fim de semana
      Isabella

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Isabella! Obrigado pela pergunta e por prestigiar o blog! O Banco do Brasil paga dividendos geralmente de forma trimestral podendo efetuar algumas distribuições excepcionais durante o ano. Isso é normal, porém são dividendos médios em torno de 8% hoje em dia, mas não são nada desprezíveis. O papel tem sofrido com a crise mas eu continuo confiante principalmente para o longo prazo. Também gosto da Cemig, é uma ótima empresa. Um grande abraço, Rafael.

        Excluir
    10. Oi Rafael...tb comprei ações BB $26,00, porém hj chegou 21,74 desvalorização de 16% e ainda permaneço com elas. Neste caso acha melhor ter este prejuízo e sair ou continuo? quando seria o proximo pagamento de dividendos? abraços..

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá! Como não sou agente de investimentos não posso lhe dizer faça isso ou aquilo, mas posso lhe dizer o que faço particularmente. Meu investimento é para longo prazo e além de continuar com o bando do Brasil em carteira pretendo comprar mais para formar um preço médio e no futuro ter bons resultados. Um grande abraço!

        Excluir
    11. eu só tenho a agradecer esse blog e muitos outros que vem fazendo a diferença em minha vida,ao invés de estar na rua fazendo o que não deve estou aqui cada dia com mais informações,não adianta caminho da riqueza é trabalhar em ativos que lhe tragam renda "pai rico pai pobre" ainda não li mais entendi o conceito,agradeço muito viciei no mercado acionário breve breve estarei nesse mundo muito mais pra ganhar e aprender com os erros,grato

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. É isso ai Henrique! Busque cada vez mais aprendizado. Tenho certeza que alcançará o sucesso! Um grande abraço!

        Excluir